Mariana Marote

Árvores de referência | Reference trees

Arbutus unedo L. [medronheiro | strawberry tree]

Fraxinus angustifolia Vahl. [freixo-de-folhas-estreitas | narrow-leafed ash]

Malus sylvestris (L.) Mill. [macieira-brava | European crab apple]

Myrtus communis L. [murta comum | common myrtle]

Schinus terebinthifolius Raddi. [aroeira-vermelha | Brazilian peppertree]

 

2013-2014

Fotograma solar, cianótipo em papel de esquisso; costura em papel, linha de algodão; desenho a caneta

e tinta-da-china sobre papel; picotagem e destacamento do papel.

Solar photogram, cyanotype on sketch paper; hand sewing on paper, cotton thread; pen and india ink drawing on paper; stamping and detachment of paper.

180 x 180 x 5 cm (seis partes, 90 x 60 cm cada) | 180 x 180 x 5 cm (six parts, 90 x 60 cm each)

Mostras /exhibitions

Memória descritiva

Em Arbor Inversa propõe-se inverter a dinâmica vertical da árvore, concedendo à metamorfose aérea dos ramos a lentidão e a profundidade da terra conhecida pelas raízes.

 

As raízes representadas têm origens diversas e agrupam, numa só árvore, propriedades de cinco espécies distintas trabalhadas pela artista em projectos anteriores: Fraxinus angustifolia, Myrtus communis, Schinus terebinthifolius, Arbutus unedo e Malus sylvestris (da esquerda para direita).

 

A representação das raízes utiliza como referente cinco ramos, separados das suas árvores-mãe e em processo de desvitalização, num ritmo lento e tranquilo. Na fixação do envelhecimento das folhas de cada ramo, recorre-se a técnicas de projecção de sombras, de captação gráfica das mesmas e de exploração da materialidade do suporte, onde os métodos são determinados intuitivamente de acordo com as particularidades de cada árvore.

 

O elemento superior, o fotograma dos braços-tronco, pretende ser um elemento de simultânea integração e separação entre as raízes-ramos. De uma árvore que recebe a vida através do fazer lento das técnicas manuais que acompanham o próprio ritmo do mundo vegetal.

© Mariana Marote. 2018.

Created by Mariana Marote